sábado, 24 de janeiro de 2009


Jesus é muito bom
curou meu coração
e dias me permitiu
para estar no lugar
onde eu amo estar
lugar espetacular
ali posso descansar
apenas alguns dias
Jesus te adoro, obrigada!

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009


de ontem a foto da minha janela
a chuva forte o alagamento gerou
não só transtorno mas mortes
em outros bairros causou
muitos raios trovoadas
um aqui pertinho caiu
me pego olhando para fora
do limite do plano muito além
no fim do mundo muitas tormentas
conflitos e mortes também
olho para dentro de mim
vejo o pó que poderei fazer
me pego falando com Deus:
minha vida Pai no Teu Altar entreguei

terça-feira, 20 de janeiro de 2009


Meu PC está sendo atacado
Por vírus dos mais ferozes
Não dão tregua, por onde ando,
Me perseguem sem cessar.
Querem contaminar o PC.
Mas não vou parar,
A Jesus sempre hei de louvar!









domingo, 18 de janeiro de 2009

Meu computador!


mandaram um recado para mim
e eu como boba caí
abri pensando ser do bem
mas era armadilha do mal
meu computador sofreu
e a doença o atacou
vírus de grande ferocidade
que ainda não consegui
desfazer
mas que Jesus esteja tocando
naquele que o transmitiu
com cura, libertação
e o perdão sem o qual
não terá a salvação

domingo, 11 de janeiro de 2009

esfrega esfrega por fora por dentro
esfrega esfrega até ficar limpo
de cima para baixo até branco estar
esfrega esfrega nenhuma sujeira irá mais restar







quarta-feira, 7 de janeiro de 2009


como já disse o poeta
no caminho pau e pedra
também cai em tempestade
chuva raios trovoada
mas o sol brilha também
na luz que vem lá de cima
como no abraço gostoso
no beijo melado no rosto
no sorriso feliz
no saciar
da fome
escutas a música
é tão forte
e tão bela
dentro da gente
o maior dos Poetas
a Jesus todo o louvor!

domingo, 4 de janeiro de 2009


Como retalhos se unem em costura
Os momentos que nos sobrevém
Constroem em nós uma vida
E neste instante de silêncio
De espera e meditação
Exultarei no Deus
Da minha Salvação*
*Habacuque 3:18

quinta-feira, 1 de janeiro de 2009


Era uma vez uma lagarta verde, que caiu da árvore e ficou tonta, seus olhos rodaram nas órbitas, incontroláveis!!!! Ficou imóvel, nada podia fazer senão esperar, esperar, esperar, ...
E mais um ano se veste de verde esperança.


E o nascer de um novo dia.

Também de uma nova vida.

O que esperávamos

Hoje se cumpre.

Veio a luz!

A força em esperar

O melhor que está porvir,

Se traduz em sossegar e ter fé

Só em Jesus que nos conduz